publicidade
Segunda, 18 de Dezembro de 2017 - 05h41
Odilon e Pedro Chaves articulam aliança para eleições de 2018
Correio do Estado

A primeira chapa para as eleições do ano que vem já está sendo articulada. Como pré-candidato ao Governo de Mato Grosso do Sul está o ex-juiz federal Odilon de Oliveira (PDT) e para o Senado, o pré-candidato à reeleição, Pedro Chaves (PSC). Os dois estiveram juntos no sábado (16), na confraternização de final de ano do senador. Eles almoçaram juntos e confirmaram as tratativas ao jornal Correio do Estado. 

“É realmente grande a chance de caminharmos juntos. Como ficha limpa e alguém que não tem ligação com nenhum grupo político eu tenho a liberdade de escolher o melhor caminho e esse caminho, com certeza, é ao lado do povo, pensando no melhor para os municípios e os sul-mato-grossenses. Podemos sim estar andando juntos”, afirmou o senador em relação à aliança com Odilon na campanha eleitoral de 2018.

A possibilidade dele mudar de legenda também é possível, mas não foi confirmada. Pedro Chaves tem até março para definir seu futuro. “Tenho recebido convites de vários partidos, como o PSDB, PMDB, PSD, Podemos, PRB e DEM, mas por enquanto, estou no PSC”, ressaltou. O senador assumiu a vaga de suplente no lugar do ex-senador Delcídio Amaral (sem partido) preso em 2015 e com mandato cassado.

Assim como Pedro Chaves, Odilon também destacou a proximidade entre os dois. “Poderemos estar caminhando juntos sim. Ainda não chegamos a uma conclusão, mas eu admiro muito Pedro Chaves porque eu o conheço há 35 anos. Desde quando ele tinha uma sala de aula na 7 de setembro e eu era acadêmico de Direito. Conclui que ele é uma pessoa honesta, dotada de muita lisura, culta e com a criação da Uniderp ele veio prestar um grande serviço não só ao Mato Grosso do Sul, mas para o Brasil”.

publicidade


© Copyright 2014-2016 - CenárioMS - Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por: Ribero Design

(67) 9979-5354