publicidade
Terça, 03 de Outubro de 2017 - 02h38
Zuckerberg se desculpa por ter "dividido as pessoas em vez de as unir"

O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, aproveitou o último dia da celebração judaica Yom Kippur para fazer uma publicação na sua página pessoal da rede social, onde pede desculpas a quem magoou durante o ano.

“A quem magoei este ano, peço perdão e tentarei ser melhor. Pela forma como o meu trabalho foi usado para dividir as pessoas em vez de nos unir, peço perdão e trabalharei para fazer melhor. Que todos sejamos melhores no ano que temos pela frente e que todos fiquemos gravados no livro da vida”, pode ler-se na publicação de Zuckerberg (veja abaixo)

Desde as eleições presidenciais norte-americanas do ano passado que o Facebook tem estado debaixo de fogo pela forma como a plataforma foi utilizada para disseminar informação falsa.

publicidade


© Copyright 2014-2016 - CenárioMS - Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por: Ribero Design

(67) 9979-5354